Teste de performance: conheça a sua importância e aplicações

Imagem de capa do post Teste de performance: conheça a sua importância e aplicações

Uma das principais características que o cliente busca em sistemas online é agilidade para utilizar as funcionalidades da aplicação. Neste sentido, caso não tenha uma boa experiência, pode desistir da compra, ter má impressão da empresa, adquirir seus produtos no concorrente, entre outras questões que afetam negativamente os resultados do negócio. Por isso, a questão da rapidez é tão importante em sites, e-commerces e afins.

O teste de performance serve para avaliar a eficiência das aplicações e disponibiliza informações necessárias para que a empresa possa tomar ações corretivas em relação as inconformidades relacionadas ao desempenho dos seus sistemas.

De maneira geral, desempenho é um termo genérico para qualquer tipo de teste que tenha como foco a análise de performance de um sistema e consiste em simular através de um ambiente controlado e monitorado o volume de transações analisando como as aplicações, servidores, gateways e serviços se comportam e atendem as necessidades dos usuários.

Esse tipo de teste analisa o que acontece no momento que o sistema recebe “requisições”. Por exemplo, pode-se averiguar o comportamento do sistema quando diversas pessoas estiverem acessando o mesmo simultaneamente. O objetivo é verificar se ocorre algum tipo de problema nessa situação e encontrar soluções para que os acessos não sejam comprometidos. Este tipo de validação é usado também para identificar gargalos em relação a operação da aplicação.

O teste de performance pode ser dividido em algumas categorias, sendo as principais Carga e Stress.

Em relação ao teste de carga, o objetivo principal é detectar o limite de capacidade da aplicação através de condições normais de uso e picos de carga, iniciando-se geralmente com um baixo número de usuários e incrementando gradualmente a carga até o pico máximo. Com ele é possível averiguar se o hardware está sendo utilizado adequadamente, se as páginas da aplicação demoram demais para carregar, se o acesso ao banco de dados tem um tempo de resposta aceitável, entre outros.

Ao simular condições de stress, o intuito é avaliar a plataforma em condições extremas de utilização e analisar o seu comportamento nesses contextos adversos, como por exemplo:

  • Cargas de trabalho muito altas (acima do pico esperado);
  • Quantidade alta de usuários simultâneos;
  • Limitação de recursos computacionais.

Como se pode observar, o mais importante é manter a disponibilidade da aplicação sempre com sua máxima qualidade de desempenho.

Importância do teste

A importância do teste de performance reside no fato de que os sistemas precisam estar sempre sendo otimizados para melhor atender as necessidades de seus utilizadores.

Por exemplo, conforme já mencionado, cada vez mais pessoas fazem compras online. Isso significa que os processos de vendas de produtos que recebem uma certa quantidade de acessos devem realizar constantemente testes para verificar o que precisa ser adequado e fidelizar os clientes. 

Além da fidelização, o teste de performance auxilia muito no aumento das conversões, pois permite que o cliente tenha mais facilidade ao realizar as suas compras. Links de produtos que abrem de maneira rápida, um carrinho de compras com tecnologia de resposta ágil em um site verificado, entre outras questões que podem ser melhoradas a partir do teste de performance, tendem a aumentar o número vendas e conquistar novos consumidores.

Ações de marketing e vendas

Suponha-se que a empresa deseje realizar uma super promoção de final de ano e para isso faça uma grande campanha de divulgação como em uma Black Friday. Esforços serão alocados e investimentos serão feitos de maneira que a empresa espere a obtenção de bons resultados.

Com o teste de performance, a segurança de que tal ação ocorrerá de maneira fluida é maior. Isso ocorre tendo em vista que nos dias da promoção o site funcionará perfeitamente, sem a ocorrência de erros, sobrecarga, tempo de resposta longo, entre outros problemas que não seriam resolvidos se não fossem identificados anteriormente pelo teste.

É importante ressaltar que os testes de desempenho precisam ser feitos frequentemente com o objetivo de avaliar a estabilidade das aplicações evitando assim impacto negativo na saúde financeira da empresa e garantindo que os resultados em termos econômicos sejam mais sólidos e duradouros, assim como a confiança dos clientes.

Gostou do artigo? Então acesse o nosso site e ofereça a melhor experiência para seus clientes e usuários!

Compartilhar:
0 Comentários

Deixe seu comentário

Fale AGORA com um de nossos consultores

Comentário adicionado com sucesso